Login

Esqueci minha senha

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Dezembro 2016
SegTerQuaQuiSexSabDom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 

Calendário Calendário

Últimos assuntos
» PREÇO x QUALIDADE
Ter Maio 07, 2013 12:11 pm por elinê silva

» PURA DECEPÇÃO - COMET GT650R
Seg Jun 11, 2012 10:14 am por MARCELO MELO

» crz 150 sm
Dom Jun 10, 2012 6:46 pm por marcelo rebouças

» Kasinski CRZ 150 2012 e seu novo motor
Dom Jun 10, 2012 11:04 am por Matheus!

» OFF ROAD CRZ 150SM
Sab Jun 09, 2012 2:59 pm por marcelo rebouças

» OFF ROAD CRZ 150
Sab Jun 09, 2012 2:55 pm por marcelo rebouças

» Traxx Fly 135 Vs Kasinski CRZ 150 - qual é mais resistente?
Sex Jun 08, 2012 12:43 pm por Matheus!

» CRZ 150 SM -qual é a realidade sobre a moto?
Qui Jun 07, 2012 9:57 pm por Matheus!

» Kasinski Prima 150
Dom Mar 25, 2012 9:19 am por raphael bento

free hit counters by free-counters.net
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

CCs não aceitam troca (kasinski)

Qua Ago 03, 2011 10:39 am por José Alves

Porque as CCs não aceitam moto usadas(kasinski) como troca? Mad

Comentários: 5

Vendo Kasinski Flash K - 150 (2007/2008)

Seg Jan 23, 2012 2:39 pm por Cleyton Alves

VENDO:

Kasinski Flash k 150 Ano: 2007 modelo: 2008

Doc: OK em Ótimo estado.

Valor: 2.600,00 à vista.

Tel.Res: (11) 3501-9194 / 9182-9412 / 8074-5726




Comentários: 0

VENDO Mirage 250 09/10 EFI - R$ 10.000,00

Sex Dez 02, 2011 9:00 pm por edmilson.novais@gmail.com

Vendo Mirage 250 efi modelo 2010 com vários acessórios.
Interessados enviar e-mail para edmilson.novais gmail.com

Comentários: 0

Vendo Comet GT250

Qua Ago 03, 2011 10:51 am por José Alves

VENDO Comet GT 250
Ano: 2006/2006
Cor: Azul
Km: 20000
Preço: R$6.500.00
Único dono, feita revisões na cc, licenciada 2011, pneus novos...
Muito bem conservada, vejam fotos no orkut, José Alves
Contato: (79)81337161 (79)91514657

Comentários: 4

Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 11 em Ter Jun 25, 2013 4:56 am

PREÇO x QUALIDADE

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

PREÇO x QUALIDADE

Mensagem por MARCELO MELO em Qua Fev 01, 2012 10:47 am

A KASINSKI TEM MUITO QUE MELHORAR, TANTO NO ACABAMENTO, QUANTO NO PÓS VENDA. FALTA MUITO PARA TER UMA QUALIDADE PRÓXIMA DAS JAPONESAS, EU SÓ TENHO UMA 650 COMET PORQUE NÃO POSSO COMPRAR UMA JAPONESA, NÃO ADIANTA SER MENOS CARA SE NÃO OFERECE CONFIABILIDADE, ACABAMENTO....
COMPREI UMA COMET 650 ZERO E ELA ME FOI ENTREGUE COM ABRAÇADEIRAS FORA DO LUGAR, DISCO DE FREIO TODO SUJO DE ÓLEO, PARAFUSOS DO MOTOR SOLTO...
OU SEJA: FALTA SERIEDADE.


Última edição por MARCELO MELO em Qua Fev 01, 2012 11:00 am, editado 2 vez(es)

MARCELO MELO

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/02/2012
Idade : 56
Localização : GUARUJÁ / SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PREÇO x QUALIDADE

Mensagem por MARCELO MELO em Qua Fev 01, 2012 10:58 am

ESQUECÍ DE INFORMAR QUE A MINHA COMET 650 2012, ZERO QUILOMETRO QUEIMOU POR TRÊS VEZES UM FUSÍVEL QUE FICA SOB O BANCO DO CARONA. QUANDO GIRAVA A CHAVE DE IGNIÇÃO O FUSÍVEL QUEIMAVA!
COLOQUEI UM POUCO DE DESINGRIPANTE NO MIOLO DA IGNIÇÃO E O PROBLEMA FOI RESOLVIDO.
QUANDO FUI TROCAR O FILTRO DE ÓLEO NA REVISÃO DOS 1000 KM PERCEBÍ QUE O FILTRO DE ÓLEO ERA DE PÉSSIMA QUALIDADE: ESTAVA TOTALMENTE DEFORMADO!!!!!!
FALTA QUALIDADE!!!!!!PODERIA TER DESTRUÍDO O MOTOR!!!!!!
O BANCO DO CARONA É MUITO MAL FIXADA (A CAPA) PODERIA SER COLADA NÃO GRAMPEADA, MUITO MAL GRAMPEADA POR SINAL....
O BANCO DO PILOTO MARCA MUITO O TANQUE, É PRECISO COLOCAR PROTEÇÃO PARA NÃO ARRANCAR A TINTA!
A MOTO TEM UM DESIGN BONITO, MERECIA MAIORES CUIDADOS NA SUA CONSTRUÇÃO E NÓS CONSUMIDORES CONTINUAMOS A SOFRER COM QUALIDADE, ACABAMENTO, PREÇO, FALTA VERGONHA NESSAS MONTADORAS!
A SUSPENSÃO DIANTEIRA PODERIA SER MAIS MACIA, A TRASEIRA ACHEI BOA!
UM MECÂNICO DA KASINSKI ME DISSE QUE ELA (COMET 650 ) FAZ 25 KM/L NÃO ACREDITO!
TENHO 52 ANOS, JÁ POSSUÍ 15 MOTOCICLETAS DE VÁRIAS CATEGORIAS E CILINDRADAS E POSSO DIZER QUE A MELHOR MOTOCICLETA QUE TIVE FOI UMA PIAGGIO (ITALIANA) DE 200CC, FIQUEI COM ELA DURANTE 10 ANOS E RODEI 66 MIL KM, NUNCA QUEBROU... E A PIOR MOTOCICLETA QUE TIVE FOI UMA HONDA STRADA 200CC

MARCELO MELO

Mensagens : 6
Data de inscrição : 01/02/2012
Idade : 56
Localização : GUARUJÁ / SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PREÇO x QUALIDADE

Mensagem por Matheus! em Qui Jun 07, 2012 9:47 pm

De acordo. Tem muitas meia verdades no anuncio dos produtos. Qualidade de fabricação que gera dúvidas. A Traxx tem motos que passaram dos 100mil km, e a Kasinski? Eu me agrado da CRZ SM para transito urbano, mas não sei se vale a pena comprar devido questões negativas que na XTZ 125 X não existem do mesmo modo.
Apoio totalmente a declaração em aberto sobre a falta de qualidade das motos quando comparada com outras marcas. Parece que tudo virou descartável.

Matheus!

Mensagens : 7
Data de inscrição : 07/06/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Falta comprometimento

Mensagem por elinê silva em Ter Maio 07, 2013 12:11 pm

Realmente Marcelo O maior pecado de todos para mim e a falta de comprometimento e de respeito com o cliente por parte da autorizada da Kasinsk.
Tenho minha moto a 9 meses e uma extensa historia de mau atendimento por parte da autorizada. Abaixo passo para vcs o e-mail que enviei para a Kasinsk e até hoje não tive resposta.
Por favor leiam e respondam de acordo com suas conclusões.

Bom dia Senhores responsáveis pela Kasinski e pela revendedora rota 66 aqui em salvador.
Venho por meio desta transmitir minha enorme insatisfação e na qualidade e mais profundamente no atendimento da revenda.

Vou deixa-los informados de minha grande insatisfação desde o início.

Ao adquirir minha moto uma comet 150 cc modelo 2012/2013 no mês de junho de 2012 enfrentei um grande atraso na documentação, pois como eu a adquiri por meio da Remaza Novaterra, o que ocorria de atraso o administrativo da Kasinski dizia que era na Remaza já quando eu ligava para a Remaza eles diziam que o atraso era na Kasinski. E foi nesse jogo de empurra até que em 21/07/2012 consegui receber a noticia que receberia a moto em casa pois havia pago frete. Porem só recebi a moto dois dias depois do acerto e mesmo assim porque o vendedor Caue ( o mesmo que me vendeu a moto), vendo que a moto não tinha saído para entrega foi lá em casa e as 22:00hs conseguiu me entregar a moto pessoalmente.

Recebida a moto começaram alguns probleminhas. Um mês depois o farol de baixa queimou.

Querendo corrigir o erro fui até a autorizada, que é a própria Rota66 , e fui informado que deveria deixar a moto e pegar no outro dia, sendo a única opção, foi justamente o que fiz. Porem chegando lá no outro dia para pegar a moto, fui no caixa paguei o farol e o chefe da mecânica, sr Miguel, veio me entregar a moto dizendo que a mesma já estava pronta.

ao pegar a moto pude verificar que o serviço não havia sido feito, eles nem mesmo haviam verificado a moto pois o farol ainda estava queimado.

Meio irritado mais mantendo a calma fui informei o ocorrido ao sr Miguel e o mesmo solicitou que o mecânico pegasse a moto e fosse trocar o farol.

Após repara o farol menos de um mês depois o mesmo queimou novamente e isso se repetiu mais duas vezes.

Após reclamar e falar com o gerente, que na época era o sr Osmar, ele ele falou que realmente o farol queimar quatro vezes em menos de três meses era estranho e pediu para que o mecânico verificasse o que havia de errado.

Detectou-se o problema, foi resolvido e da ultima vez não paguei o farol. Vale ressaltar que mesmo para uma simples troca de farol a moto, segundo o chefe da mecânica Sr Miguel tinha que ficar lá um ou dois dias pois não tinha como trocar no mesmo dia, o que me causava um enorme prejuízo pois trabalho com a moto.

Além do problema do farol a moto foi com o sistema de Km mudado para milhas por horas. Passei isso para Sr Miguel pois como não sabia como mudar achei que fosse um problema no marcador de marcha digital. sr miguel agendou a entrada da moto e me disse que era para retira-lá dois dias depois, porem a moto só me foi entregue uma semana depois e me passaram que haviam resolvido o problema. ao rodar com a moto verifiquei que o mesmo problema persistia e eu não conseguia saber a quantos km/h eu estava percorrendo. Voltei na autorizada e foi me informado que havia um rapaz, acho que de São Paulo, e que ele saberia resolver o problema e para minha surpresa percebi que ninguém da autorizada sabia qual era o problema do marcador. Detalhe tive que deixar a moto por mais dois dias na autorizada. no dia marcado fui buscar e o mecânico me falou que não era problema não que era uma coisa simples mais nenhum deles na verdade sabia como resolver e que o rapaz de São Paulo que estava lá ensinou eles a mexer no painel da moto. Resumindo, não só os mecânicos como os vendedores aparentemente não conhecem e não sabem manusear o próprio produto com o qual trabalham.

Antes de consertar o problema do farol e do marcador chegou o tempo de fazer a revisão dos primeiros 3 meses ou 1000 km.

surgiu a dúvida de com quantos kms a moto estava e alem disso o farol estava queimado.

Falei co a antiga funcionaria Mila e ela colocou como que a moto já estava como os 1000 km rodados e também colocou na ordem de serviço que o farol precisava ser trocado. Como era sexta-feira, final de semana, foi agendado para eu pegar a moto na quarta-feira da outra semana. porém ao chegar lá para pegar a moto novamente não havia trocado o farol. Assim que detectei solicitei que o mesmo fosse trocado. mais uma vez para comprovar o descaso com os clientes isso aconteceu.

Passando todos esses problemas tive um acidente de trânsito com a moto, o carro jogou na contra mão e mesmo tentando evitar a colisão fui pego pela lateral caindo.

A moto teve a carenagem da lateral direita danificada e ficou com vazamento no motor devido a pancada.

Liguei para a autorizada para coloca-la no conserto pelo menos para acabar com o vazamento do motor, o sr Miguel disse-me que poderia levar a moto para poder agendar o reparo. Porem quando cheguei lá o mesmo me disse que eu iria ainda agendar a entrada da moto para certa data e depois agendar o tempo para entrega. Como tinha que fazer o reparo foi isso mesmo que fiz.

Na segunda feira dia 21/01/2013 fui e agendei com o mesmo para levar a moto no dia 28/01/2013 e só pega-la depois do carnaval, foi a única opção que o mesmo forneceu. A previsão exata para me entregar era dia 14/02/2013. Deixei a moto lá não só para fazer o reparo mais primeiramente o orçamento, pois o senhor Miguel me informou que a garantia não cobre moto colidida.

Aguardei o carnaval acabar e liguei para lá para eles pelo menos me fornecerem o orçamento. Porem o novo funcionário, que ficou no lugar de Mila, Alan, me disse que o orçamento ainda não estava pronto, ( liguei 17 dias depois, dia 15/02/2013 e nem mesmo o orçamento havia sido feito), e que quando estivesse pronto me ligaria.

Aguardei a ligação e nada. Quando foi dia 18/02/2013 liguei novamente e recebi novamente a noticia de que o orçamento ainda não estava pronto e que quando estivesse eles me ligariam. até que no outro dia, terça 19/02/2013, me ligaram dizendo que o orçamento estava pronto.

Ao chegar lá na quarta-feira 20/02/2013 verifiquei que o orçamento estava incompleto e ainda com o Alan tive que fazer alguns ajustes pois até peça repetida tinha no orçamento. Quando foi dia 22/02/2013 fui na Kasinski e autorizei o serviço. No dia 25/02/2013 me ligaram dizendo que eu poderia retirar a moto na quarta dia 27/02/2013.

Ao chegar lá para retirar a moto o serviço ainda não estava completo pois ainda faltava eles colocarem algumas peças no lugar, como por exemplo as borrachas da pedaleira. E para minha desagradável surpresa o Miguel, chefe da oficina, havia deixado a moto ligada descarregando a bateria da moto.

Quando subi novamente com o mecânico para verificar a moto ele bateu na partida e a moto nada de ligar então eu perguntei o que tinha acontecido e o mesmo me informou que a bateria da moto havia descarregado pois a tinham esquecido ligada. Fiquei super irritado com o descaso. fiquei 29 dias sem a moto com ela parada na autorizada, sendo que 22 dias foi para me dar o orçamento, coisa que pode ser feita em 1 ou no máximo 2 dias, quando vou buscar a moto não esta pronta como é informado e além disso deixam minha bateria descarregar por descuido, desleixo, imprudência falta de cuidado e comprometimento com o cliente, etc.... Fora que por ficar jogada ao tempo tomando sol e chuva, ( coisa que eu não faço, pois tenho até mesmo uma capa para cobri-la), recebi a moto com varias peças enferrujando e degradadas com a ação do tempo.

Irritado, deixei toda paciência que tive durante todo esse mês de lado e bradei com o Senhor Miguel querendo que o mesmo me desse uma solução com relação a bateria. O mesmo me falou que daria uma carga na bateria e ela funcionaria perfeitamente. O que não aceitei, pois deixei a moto, apesar da colisão em perfeitas condições e já iria recebe-la degradada pela ação do tempo e agora mais essa da bateria. E se ela funcionasse na autorizada e me deixasse depois na rua, o que seria feito? Eu teria que pagar uma nova bateria? Assumir um prejuízo que foi causado na autorizada?. Não de jeito nenhum. Não acetei.

Mais mesmo assim o senhor Miguel deu carga na bateria e a colocou no patio para que eu pudesse leva-lá.

Foi então que o Caue chegou. logo que ele chegou pedi desculpas a ele por bombardeá-lo logo na chegada e comentei tudo que estava acontecendo.

Pedi ao sr Miguel e a Alan para chamarem o Gerente mais os mesmos me informaram que o gerente não esta na casa.

Fui ligar a moto que depois da carga na bateria desceu funcionando. E o que aconteceu? Não funcionou. Novamente falei com sr Miguel que eu não sairia com a moto daquele jeito.

Caue veio apos uma ligação falar comigo e informou-me que o gerente havia autorizado a troca da bateria por uma nova e solicitou ao sr Miguel que verificasse com o mecânico a troca da bateria pois já estava autorizado.

Fiquei surpreso, como pode um vendedor tomar uma atitude tão responsável e prudente e o chefe da mecânica ao invés de procurar resolver a situação, que foi causada por ele, ficar tentando esconder as coisas e tentar prejudicar o cliente de todas as formas possíveis.

Bateria trocada e pagamento efetuado de mais ou menos R$ 600,00 do serviço incluindo mão de obra e revisão, fui para casa.

Em casa com mais calma, mais tranquilo, parei e fui verificar o serviço serviço feito na moto, que decepção, paguei pelo retentor e o mesmo não foi trocado pois o vazamento continuou, olhei as borrachas da pedaleira e os parafusos que prendem elas não foram colocados, nem mesmo o parafuso que prende o pneu traseiro foi colocado. O que é isso? Corri um grande risco de acidente. Além de pagar por um serviço completo e sair da autorizada com o serviço feito pela metade.

Voltei lá na Quinta-feira 28/02/2013 após ter ligado. O sr Miguel me disse que eu teria que deixar a moto lá e pega-la segunda 04/03/2013 me recusei. falei que não iria deixa-la e enfatizei que já havia deixado a moto lá durante 29 dias e o serviço foi feito incompleto então queria a moto consertada naquele mesmo dia e que não teria problema esperar pois eu ficaria ali mesmo esperando. Três horas depois eles me deram a moto com parafuso das pedaleiras colocados, retentor novo que não havia sido trocado, parafuso do pneu colocado e a corrente que estava super folgada reajustada, tudo isso pq me irritei e perguntei o que foi que eles fizeram todo esse tempo, nem mesmo a revisão de 6000 km que foi solicitada no mesmo tempo do reparo foi realizada pois nem a corrente havia sido reajustada. Olha que paguei mais ou menos R$ 202,00 pela revisão que como vocês podem notar não foi feita.

Na sexta-feira dia 01/03/2013 ao voltar de uma saída que dei com a moto notei que estava suja de óleo, pensei meu Deus de novo não. Ao parar e olha-la com calma notei que o vazamento vinha do filtro de ar. Liguei novamente para autorizada e fui para la. Ao chegar novamente sr Miguel queria que eu deixasse a moto e como falei para ele não deixaria a moto lá pois ele não resolvem o problema quando a moto fica lá e sim pioram.

Ele me disse que teria que esperar BONECO (esse é o apelido do mecânico que fez o serviço) chegar, pois foi ele quem mexeu na moto e outro mecânico não iria mexer nela pois eles tinham outras motos para mexer. Falei a ele que não teria problema, eu aguardaria ali mesmo e só sairia dali com a moto.

Quando o mecânico chegou ele levou a moto e quando voltou disse que o problema estava resolvido.

A moto continua com alguns problemas mais eu não quero voltar na autorizada pois tudo isso que foi relatado tem me causado um grande prejuízo, além de muito estresse. Acho um grande descaso com o cliente tudo isso que aconteceu e continua acontecendo comigo. Só de transporte tive um prejuízo durante esse 29 dias ou um mês que a moto ficou parada na autorizada de mais ou menos R$ 162,40. Fora outros prejuízos.

Como fico com todo o prejuízo que tive?

Não confio mais na autorizada. Onde vou fazer a revisão ou colocar a moto no conserto quando necessário?.

E minha moto que estava nova e agora devido ao ferrugem esta toda acabada, uma moto que vai fazer ainda 8 meses esta com o aspecto de velha sendo que era para estar brilhando pois cuido muito bem do que é meu. Quem paga esse prejuízo?

Como fico eu em relação aos danos morais, danos a minha saúde, (pois minha pressão subiu por ter me irritado muito na autorizada), danos materiais e o prejuízo financeiro em relação a todo o ocorrido?

Solicito uma resposta de vocês. Fico no aguardo.

Desde já obrigado.







Att: Elinê Silva.

elinê silva

Mensagens : 1
Data de inscrição : 07/05/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: PREÇO x QUALIDADE

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 6:34 am


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum